21 Mar

o câncer de pele mais agressivo e letal

Vote na matera

Ontem vi um vídeo realmente comovente, em que algumas pessoas que haviam sofrido câncer de pele, lhes enviava um emotivo mensagem para o seu” EU” do passado, com a intenção de que não cometerem o erro que eles cometeram, e de alguma forma modificar o futuro, o seu futuro. Embora soa absurdo, em absoluto. O vídeo dura apenas cinco minutos e está no final do post de hoje, falarei do melanoma. Vale a pena dedicar-lhe aqueles cinco minutos para o vídeo, bem talvez, em um futuro não tenhamos que falar com o nosso”EU” do passado.


O que é melanoma?


É o câncer de pele mais agressivo e mal que existe, e é a principal causa de morte por doenças do pél.


No post anterior, falei do envelhecimento prematuro da pele, como causa directa da exposição solar, mas, sem dúvida, o grande risco que se corre na luta pelo bronzeado perfeito, é sofrer de câncer de pele no futuro .


Por que nos bronzeamos?


A pele é um órgão que nos protege de agentes externos potencialmente perigosos para o nosso corpo, como é o caso de; microrganismos (bactérias, vírus, fungos…etc), temperaturas muito baixas ou muito elevadas, substâncias químicas, etc…


Nosso tecido cutâneo perante os severos ataques dos raios solares, usado como tática de defesa “bronzeado”, o que é conseguido graças aos melanócitos. Células que se encontram nas camadas profundas da epiderme e se encarregam de produzir a melanina; substância que é a que lhe confere a nossa pele esse tão procura cor dourado. Agora é quando much@s de vosotr@,s estarão a pensar que devem ter os melanócitos atrofiados, porque essa cor dourado não conseguem nem em seus melhores sono; mais bem, passam-se de um branco estilo copinho de neve, com uma tonalidade avermelhada estilo pimento. Isso se deve ao fato de que nem todos temos a mesma quantidade de melanina, e por isso, há diferentes tipos de pele. As pessoas que têm esses tons de pele tão clara e que, em princípio, deveriam ser as que mais se protegem do sol, já que possuem menos melanina que o resto, são as pessoas que mais se expõem aos raios solares. Obcecados por uma pele morena, recorrem a centros de terraço para banhos de sol, adquirem produtos que estimulam o bronzeado sem a necessidade de tomar sol, não usam protetores solares e se expõem ao sol nas horas do dia de maior risco. Posso afirmar, inequivocamente, que isso sim é jugársela a sofrer, no futuro, algum tipo de doença grave de pele.


Existem outras causas que favoreçam o aparecimento de um melanoma além da exposição solar?



  • Cremes autobronceantes; muitas destas cremes que estão no mercado podem chegar a produzir câncer de pele. Sobretudo aquelas que se vendem pela internet e que na grande maioria das vezes não passam os estudos que confirmam e garantem a segurança do produto.

  • Familiares próximos com antecedentes de melanoma

  • Exposição a agentes químicos que possam causar câncer, como arsênico, alcatrão e creosoto

  • Presença de certos tipos de bolinhas (displásicos e atípicos) ou múltiplas marcas de nascimento

  • Deficiências causadas principalmente por patologias como a AIDS, alguns tipos de leucemias, transplante de órgãos e medicamentos utilizados para tratar doenças como a artrite reumatóide.

Quando devo ir ao médico?


Com frequência, o primeiro sinal de um melanoma é uma mudança de tamanho, forma, cor ou textura de uma toupeira. A maioria dos melanomas têm uma área preta ou preta azulosa. O melanoma também pode aparecer como um novo lunar. Pode ser preto, anormal ou com um aspecto desagradável, ulcerado ou com sangue.


Para que vos lembreis de tudo o que deveis vigiar, pensar no ABCD.



  • Assimetria: o contorno de uma metade não é igual ao outro.

  • Bordas: as bordas são irregulares, difusos ou irregulares.

  • Cor: a cor é doces gulosos e pode incluir tonalidades pretas, avermelhadas, azuladas cafés e canela.

  • Diâmetro: há mudanças no tamanho, geralmente se tornam maiores.

Como se previne o câncer de pele?


Porque a essas alturas eu acho que já não faz falta nem comentá-las, mas, como sempre há algum@ despistad@… Passo a enumerá-las.



  • Em primeiro lugar, é fundamental se proteger do sol, sobre tudo a partir de idades muito precoces. Esta comprovado que as crianças que sofreram queimaduras solares graves mais de duas vezes e tem muito mais risco de ter, no futuro, algum câncer de pele.

  • Você deve usar protetor solar com um fator de proteção iodeo para o vosso tipo de pele.

  • Evitar as horas mais quentes do dia, que são as doze do meio dia até as quatro da tarde.

  • Não você usa cremes ou produtos autobronceantes. Se você quiser verificar os graves efeitos deste tipo de produtos, buscai o post que fiz sobre o auto-bronzeador carcinogênico.

  • As pessoas que têm bolinhas, eu recomendo que regularmente controléis que não mudam de forma, cor ou tamanho

  • Se você trabalha ao ar livre, deveis cubriros o corpo com roupas leves, mas que não deixem passar os raios solares. Usar bonés e óculos de sol. E, para aquelas partes do corpo que fiquem a descoberto aplicaros cremes protetores.

Bom espero que tenham achei interessante, e agora, como vos tinha prometido, aqui vos deixo o video.


Para aproveitar o verão, mas de uma forma saudável!!!! 🙂


fontes:
http://www.nlm.nih.gov
http://www.tuotromedico.com
http://www.elmundo.es

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *